(11) 2431-6464 | Primeiro Contato


Retrak na mídia

MAIO / 2018 - 25 anos de Retrak
MAIO / 2018 - 25 anos de Retrak

RETRAK COMPLETA 25 ANOS E COMEMORA COM INOVAÇÃO EM SERVIÇOS

A empresa, que tem sede em Guarulhos, São Paulo, tem uma trajetória de sucesso na locação de equipamentos para movimentação de materiais. Com o passar dos anos, voltou-se para soluções inovadoras que proporcionam ganhos efetivos aos clientes

A RETRAK Empilhadeiras está completando 25 anos de mercado em 2018. Especializada em prover, por meio da locação ou venda, equipamentos e sistemas de movimentação de materiais, a empresa está comemorando a data com importantes conquistas e a maior delas está na percepção do cliente: a de que a marca RETRAK proporciona alto nível de satisfação em locação e manutenção.
Em anos mais recentes, a RETRAK Empilhadeiras concentrou-se em inovação e passou a investir na pesquisa de soluções que lhe trouxessem diferenciais frente ao mercado. “Motivados pela importância do investimento em baterias no custo total da locação, procuramos no mercado internacional tecnologias aplicáveis a estes componentes. Com uma equipe de técnicos própria e em parceria com terceiros, desenvolvemos soluções que o mercado não conhecia ou não percebia como vantajosas”, explica Sérgio Guimarães, diretor técnico da RETRAK.
Alguns aspectos relacionados a baterias e carregadores que não acompanharam o desenvolvimento tecnológico mundial, receberam especial atenção da equipe da RETRAK. Em uma de suas primeiras ações, a empresa propôs a fabricantes de carregadores melhorias no processo de carga, obtendo benefícios exclusivos como a eliminação da mão de obra para abastecimento de água, redução em até 50% dos gastos com energia elétrica e desconexão da bateria sem risco de explosões.
Outra novidade que a RETRAK aplicou às baterias foi a instalação de sistemas químicos de proteção que reduzem a corrosão de caixas metálicas e evitam o vazamento de ácido para o meio ambiente. As baterias ganharam dispositivos eletrônicos fixos que registram dados e interagem com os carregadores, melhorando o processo de carga e aumentando sua vida útil.
Dentro da RETRAK também houve mudanças no sentido de preservar os acessórios: a empresa adotou processos modernos de dessulfatação e de sustentação de carga para baterias estocadas, evitando sua deterioração e garantindo maior disponibilidade.
“Outros desenvolvimentos que promovem redução nos custos chegaram ao cliente na forma de redução dos valores de locação”, afirma Guimarães. “O foco em inovação chegou para ficar na RETRAK. Solicitamos várias patentes de sistemas e processos relacionados a baterias e carregadores, como o sistema de proteção que reduz a corrosão das caixas, e vamos continuar oferecendo ao mercado soluções inovadoras”.


Solidez e tecnologia
Também ao longo de seus 25 anos de trajetória, a RETRAK conseguiu se manter no caminho de solidez financeira: houve crescimento sustentável, aquisição de sedes próprias até chegar à atual, de 23 mil m2 localizada em Guarulhos, foram feitos investimentos na frota, em pesquisa e inovação, além da valorização profissional e forte pós-venda.
Somente em 2017, o parque de máquinas, que tem mais de 2.000 equipamentos, recebeu importantes aportes com equipamentos da Kion Group, detentora das marcas Linde e STILL. A frota da RETRAK tem idade média de quatro anos.
Nilson Rios, responsável pela área comercial da RETRAK, destaca que a empresa sempre investiu com responsabilidade, evitando endividamento. Ele destaca a importância da área comercial na pré-venda e ressalta a harmonia com todas as áreas da empresa.
“O trabalho em equipe é muito importante. As vendas e locações, bem como o pós-vendas, são acompanhados até a entrega do equipamento e seu pleno funcionamento. Assim, garantimos a satisfação do cliente com elevado nível de serviço, diferenciais exclusivos proporcionados por nossos desenvolvimentos e com baixo custo de operação”, comenta o executivo, completando que a equipe de vendas realiza treinamentos oferecidos pelo fabricante das marcas que a RETRAK comercializa.
Alinhado com o Comercial está o Pós-vendas, um departamento que cresceu acompanhando as inovações e hoje pode proporcionar a redução de custos com melhores técnicas de manutenção. Atender ou mesmo, superar, as expectativas do cliente, também é uma marca deste departamento: um exemplo disso está na introdução de recursos que asseguram a segurança operacional.
“A RETRAK oferece opcionalmente um kit de iluminação de segurança nos equipamentos composto por luz de teto, red zone e laser dos garfos”, conta Ricardo Araújo, gerente de Pós-vendas da empresa. “Para a troca das baterias, desenvolvemos o Trocador Automático de Baterias, um equipamento que permite a troca de baterias de até 1.200 kg em tempo reduzido, de forma segura e sem esforço do operador, pois o processo foi automatizado”.
Outro destaque que contribui para melhorar o Pós-vendas, aponta Araújo, é o avanço tecnológico dos equipamentos. Essa evolução vai desde o maior tempo de horas para intervalos de manutenção preventiva até a sofisticação dos softwares de acompanhamento de itens do equipamento, possibilitando que na abertura de ocorrências técnicas o código de uma falha seja identificado remotamente, antecipando necessidades ao técnico que vai atender ao chamado.
“Em 25 anos, posso dizer que um pós-vendas forte se traduz em eficácia. Os diagnósticos atuais são mais rápidos e precisos, e com isso a disponibilidade dos equipamentos aumentou substancialmente”, afirma Araújo. “A evolução da Engenharia aplicada às máquinas também cresceu vertiginosamente – com isso, conseguimos liberar uma máquina no primeiro atendimento técnico em mais de 98% dos casos”.


História consolidada
A história da RETRAK não poderia ser contada sem um retrospecto dos passos de seus empreendedores. Em seu primeiro ano, a empresa dedicava-se exclusivamente à venda de empilhadeiras, começando no negócio de locação já no ano seguinte, impulsionada pela crescente demanda do mercado; a cada período, a empresa promoveu ações para alcançar a eficiência.
O diretor executivo da RETRAK, Fábio Pedrão, relembra que vencidos os esforços para demonstrar ao mercado a importância de um bom projeto de movimentação de materiais e as vantagens da terceirização de frotas, o posicionamento estratégico caminhou para a redução de custos. Terceirizar como meio de focar o próprio negócio, obtendo completa visibilidade do desempenho de cada equipamento, maior disponibilidade e plena eficiência.
“Nosso desafio sempre foi oferecer a melhor e mais econômica solução em movimentação de materiais, apresentando projetos viáveis, inteligentes e, agora, inovadores, que resultem em uma logística eficiente para nossos clientes”, afirma Pedrão.
A RETRAK comemora seus 25 anos com orgulho de colecionar conquistas também em valorização de profissionais e respeito ao meio ambiente. Em sua sede, além de recursos para treinamento, segurança e estímulos à saúde e bem-estar de pessoal, estão implantados projetos para tratamento de efluentes e água utilizada na lavagem de equipamentos, descarte correto de resíduos e área segregada para limpeza e manutenção de baterias, com caixa para retenção de líquidos.
“Com o tempo, vão se somando novos processos, rearranjando-se outros, e as empresas vão sendo estimuladas ao novo. E nós somos parte direta disso, pois atuamos como agente transformador em um momento tecnológico único vivido pela movimentação de materiais, uma das etapas centrais da intralogística e cada vez mais aberta a soluções e a modernas práticas mundiais”, finaliza o diretor executivo da RETRAK.



Informações à imprensa
Andréa Espírito Santo - manchete@manchete.info
Telefones: (21) 3743-4155// (21) 9 7906-9939
...

Voltar

Produtos

RX50-16

Empilhadeira elétrica de contrapeso

MX

Empilhadeira elétrica trilateral

EGV

A Empilhadeira EGV foi desenvolvida para atender de uma maneira fácil e econômica a necessidade de movimentação vertical de cargas leves e médias a alturas pequenas e médias.

KMSX

A selecionadora horizontal KMSX foi desenvolvida para atender de maneira fácil e econômica as necessidades de separação de cargas fracionadas e movimentação horizontal até 2.750kg, a distâncias médias e longas.